Plenus Paz E Prosperidade

Plenus Paz E Prosperidade - quem não deve fazer

maria cristina rosa      domingo, 16 de outubro de 2016

Compartilhe esta página com seus amigos

 

 

 

 

Há quem não deva fazer o Plenus?

 

Sim, há quem não deve fazer o Plenus. E esse é um ponto muito importante a ser tratado, para que ninguém  invista tempo e dinheiro em algo que poderá não lhe trazer benefícios. Leia mais e veja porquê.

 

A  experiência nos grupos piloto do curso mostrou que nem todos estão preparados, ainda, para pegar a vida nas próprias mãos, por motivos variados.

 

A prontidão para as transformações que o Plenus  patrocinará, não é a mesma para todos os indivíduos e esse é um ponto que deve ser respeitado, porque tudo depende do momento evolutivo de cada um.

 

Veja as principais contraindicações:

 

- não estar ligado ainda nas próprias questões vitais, vivendo apenas as superficialidades da vida

-  não acreditar que se possa mudar a vida pelo autoconhecimento

-  não se dispor a praticar os ensinamentos, por não acreditar que as práticas propostas levem a resultados satisfatórios

- acreditar que os próprios problemas são causados pelos outros, pelas circunstâncias e contingências do momento

- acreditar que está velho para iniciar qualquer coisa

- acreditar que está impedido por alguma doença, estado ou situação

- acreditar que não tem recurso financeiro ...

 

Em suma, a principal contraindicação é a falta de prontidão para o autoconhecimento, o que torna o Plenus mais procurado e apreciado por pessoas que desejam ardentemente acertar, querendo de volta sua paz, saúde e prosperidade.

E que tudo farão, custe o que custar, para seguir as instruções.

 

Assim , o Plenus não está  indicado  para as pessoas  que não tem essa busca e esse nível de consciência, porque elas não se dispõem a praticar os ensiamentos. Ou por não verem sentido neles, ou por não acreditarem que realmente levarão aos resultados almejados. Ou, por lado, não se abrem a nada que lhes vai solicitar o esforço da transformação.

 

Como ajudar pessoas que acreditamos necessitadas

 

Por isso, quando queremos ajudar alguém indicando o Plenus, o correto é esperar a pessoa atingir o ponto da virada, geralmente movido pelo porquê desesperador. Antes disso, é perder tempo e energia.

 

O melhor para ajudar alguém, é dar nosso exemplo. Por isso, se você deseja reajustar sua vida, resgatar seu poder interno, sua pazsaúde e prosperidade,  faça você o Plenus e colha os seus merecidos frutos. Porque o seu exemplo é o melhor incentivo que alguém possa ter, já que o método não está igualmente indicado para todas as pessoas.

Para receber informações sobre os próximos grupos presenciais ou via internet, inscreva-se aqui.

 

Deixe seu comentário. Compartilhe!

 

Comentários

Maria Cristina Rosa

Psicóloga / Numeróloga / Técnica em EFT/ Palestrante / Autodidata/Escritora

Artigos Mais Recentes

Plenus Paz E Prosperidade: Atributos

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Plenus Paz e Prosperidade: o que é

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Plenus Paz E Prosperidade - Objetivos

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Plenus paz E Properidade - porque fazer

domingo, 16 de outubro de 2016

Plenus Paz E Prosperidade - quem deve fazer

domingo, 16 de outubro de 2016

Plenus Paz E Prosperidade - quem não deve fazer

domingo, 16 de outubro de 2016

Plenus Paz E Prosperidade - Resultados e Depoimentos

terça-feira, 25 de outubro de 2016